Carta do Rebe - Purim

17 de Adar, 5737 [1977]

Tive o prazer de receber a sua carta em 8 de Adar, na qual você escreve sobre seus avanços em matéria de Yiddishkeit [Judaismo], Torá e mitsvot [Mandamentos].

Como você sabe, a mitsvá de “Ve achavta lereach camorra:, “Você deve amar o teu próximo como a ti mesmo” é a grande regra de nossa Torá, requerendo que cada judeu se preocupe em ajudar judeus de toda forma possível. Acredito que você exerça uma boa influência sobre suas amigas, especialmente mostrando um bom exemplo de como uma garota judia deve conduzir-se.

Tendo acabado de celebrar Purim, e escutado a história relatada na Meguila, é bom lembrar que embora Mordechai e outras pessoas também tenham sido instrumentos que contribuiram para o milagre de Purim, a Meguila não recebeu o nome de Mordechai, nem de ambos Mordechai e Esther, ou Esther e Mordechai nesta ordem, mas somente Esther. Isto enfatiza e serve de forte lembrete de o quanto uma menina e mulher judia podem realizar pelo povo judeu. Embora nem todas possam se comparar a Rainha Esther, toda menina judia, em sua maneira de ser pode realizar muito usando suas próprias habilidades e oportunidades.

Confio que a inspiração de Purim permanecerá com você ao longo do ano.

Com bênçãos,

[Assinatura do Rebe]




14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo